Um vinho um tanto complicado de saborear, por ser um tanto forte no álcool, seco e um pouco aguado... bebendo Finca Ventura DOP Jumilla Monastrell 2015.



Hoje dia de escrever sobre mais um vinho pesado no álcool e com um bom aroma de uva, mas que fica muito no aroma mesmo. A apresentação do vinho, mais uma vez, parece um pouco clássico e simples, uma coloração com um bege que parece envelhecido, e uma raposa que parece mais remeter ao século passado. A degustação é um tanto complicada e forte. O aroma do vinho até agrada um pouco, e é um dos poucos momentos em que a uva parece com certo destaque, o aroma até agrada um pouco, mas como um vinho não é só aroma, bom falar do resto também. A degustação é bem complicada, o sabor do álcool é muito intenso e praticamente some com os outros sabores do vinho, muito difícil sentir o sabor da uva, e quando se sente é algo muito rápido e não muito saboroso. A secura também é um tanto sentida, não de uma forma exagerada, mas é facilmente sentido ao colocar o vinho na boca. Outra coisa levemente notável é que depois que se acostuma com o álcool, o vinho parece perder um tanto o gosto, parece levemente aguado e sem gosto, realmente faltou muito sabor nesse vinho. No geral um vinho que fica muito focado no álcool e parece se esquecer um pouco que o vinho é feito de uvas, talvez pelo tipo da uva, talvez pelo que foi feito, talvez pela idade, mas que resultou em algo um pouco desastroso e difícil de saborear.

#Finca #Ventura #DOP #Jumilla #Monastrell #FincaVenturaDOPJumillaMonastrell #vinho #bebida #alcool #alcoolico #seco #aromatico #aguado #forte #frances #americano #espanhol #Espanha #vermelho #rubi #ClubeW #XinGourmet

Otavio Wong

Um novo apaixonado por qualquer culinária, aventureiro de restaurante, butecos e qualquer lugar que sirva algo interessante pra beber e comer :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário